Home / Pontos Turísticos / Maria Fumaça

Maria Fumaça em Jaguariúna - SP

Maria Fumaça

O passeio de Maria Fumaça tem objetivo histórico, cultural e recreativo, atendendo a escolas, clubes, associações de terceira idade e o público em geral. Durante o passeio, monitores especializados contam a história do trem e do café, fazem comentários sobre a sociedade da época, os Barões do Café e a rotina dos trabalhadores nos cafezais.
Com o restauro das estações, equipamentos, carros e locomotivas a vapor, pessoas de todo o Brasil e de várias partes do mundo já visitaram a cidade para conhecerem uma autêntica ferrovia do século XIX.
Fundada em 1872, a Cia. Mogiana de Estradas de Ferro inaugurou o primeiro trecho - Campinas / Jaguary - (hoje, Jaguariúna), em 3 de maio de 1875, contando com a presença do Imperador D. Pedro II. Depois de anos levando o progresso para o interior do Brasil, aos poucos os trajetos foram se modificando, ramais foram sendo desativados e com eles a história de um dos mais importantes meios de transportes: o trem. 
Em 1977, com a fundação da Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF), nos mesmos moldes de entidades existentes na Europa e Estados Unidos, foi dado início ao resgate da história ferroviária brasileira, com a restauração e preservação de locomotivas à vapor, carros de passageiros, vagões, estações e da linha - tronco da Cia. Mogiana de Estradas de Ferro, entre Anhumas (Campinas) e Jaguariúna, com 24 km de extensão.
Na década de 1980, todo acervo e oficinas se concentravam na Estação Jaguariúna e por localizar-se em zona central, a cidade não comportava mais o tráfego destes trens, sendo necessária a mudança para Campinas, na Estação "Carlos Gomes", divisa entre os dois municípios. Na mesma época, dois pontilhões que interligavam as estações Jaguariúna e Carlos Gomes, com medidas que já não mais condiziam com a realidade urbana das cidades brasileiras, foram demolidos e os passageiros do ‘Passeio Turístico’ que se dirigiam a Jaguariúna desembarcavam em pequena plataforma à margem direita do Rio Jaguari (sentido Jaguariúna/Pedreira).
Em 6 de outubro de 2006, a administração municipal cumpriu a meta de interligar, novamente, as duas antigas estações e construiu um novo pontilhão, sobre o rio Jaguari, com aproximadamente 614m de extensão. A obra contou com total apoio da ABPF - Associação Brasileira de Preservação Ferroviária.
Hoje, a ‘Maria-Fumaça’ se constitui na principal atração turística do município e, partindo de Campinas, após percorrer várias Estações, tem como ponto de embarque e desembarque a Estação Jaguariúna, restaurada (em 1992) e transformada em Centro Cultural “Professor Ulysses da Rocha Cavalcanti”. 

Fotos

Google Street View

Google Maps

Telefone: (19) 3892-1015
contato@circuitodasaguaspaulista.sp.gov.br
Rua Nossa Senhora do Rosário, s/n
Centro de Convenções
Rodovia Serra Negra - Lindóia